Atenção! Você está utilizando um navegador muito antigo e muitos dos recursos deste site não irão funcionar corretamente.
Atualize para uma versão mais recente. Recomendamos o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.

Notícias

Percentual de jovens com conta em banco passa de 40%, diz Fecomércio

Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Pinterest
Enviar por E-mail Imprimir
11/07/2013 - 09:05

Acesso a cartão de crédito e internet também aumentou, segundo pesquisa.
'Jovem hoje tem maturidade para rejeitar volta da inflação', diz economista.

Em 2013, mais de 40% de jovens brasileiros com idade entre 16 e 24 anos têm conta bancária, segundo pesquisa nacional da Fecomércio-RJ, realizada em parceria com a Ipsos e divulgada nesta quarta-feira (10). O percentual revela um aumento significativo em relação à pesquisa feita em 2008, quando apenas 26% dos jovens afirmaram ter conta bancária.

Dos jovens entrevistados, 31% disseram que estão pagando algum parcelamento, enquanto em 2008 o índice foi de 26%. O uso do cartão de crédito entre os jovens cresceu mas em ritmo bem menor: de 22% em 2008 para 24% em 2013, informa a pesquisa.

Acesso à internet
A pesquisa abordou ainda o acesso dos jovens à internet, comparando índices de 2008, quando 58% dos entrevistados afirmaram que usavam a internet, com 2012, ano em que o percentual chegou a 74%.

Sobre os sites que costumam acessar, as redes sociais ampliaram a liderança, seguidas de sites de pesquisas e de acesso a e-mails, sendo que este registrou queda nos últimos anos.

Segundo o economista Christian Travassos, da Fecomércio-RJ, embora ainda haja demandas a serem atendidas, a realidade do jovem no Brasil melhorou nos últimos anos. O aquecimento do mercado de trabalho com carteira assinada e os avanços educacionais, colaboraram para o jovem estar mais inserido nos mercados de consumo e de crédito, além de mais bem informado, pelo acesso à internet.

“Esse jovem, hoje, tem maturidade suficiente para rejeitar a volta da inflação e reivindicar o uso mais eficiente dos recursos públicos em favor de seu poder aquisitivo, de um ambiente econômico amigável tanto ao consumidor quanto ao empresário e de serviços públicos de qualidade”, disse.

A Fecomércio-RJ/Ipsos realiza anualmente pesquisas sobre crédito e acesso à internet no país, sempre com mil entrevistados, de 70 cidades brasileiras, incluindo nove regiões metropolitanas.

Fonte: G1


Tópicos:
visualizações