Atenção! Você está utilizando um navegador muito antigo e muitos dos recursos deste site não irão funcionar corretamente.
Atualize para uma versão mais recente. Recomendamos o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.

Notícias

No ranking do PIB 2012, Goiás em primeiro lugar

Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Pinterest
Enviar por E-mail Imprimir
18/03/2013 - 09:42

Perillo (PSDB), e o Ceará de Cid Gomes (PSB) salvaram o Brasil de um resultado do PIB ainda pior em 2012; no caso de Goiás, o bom resultado do crescimento é apenas um dos elementos que comprovam o bom momento do Estado, onde há R$ 4 bilhões de obras contratadas para este ano e as contratações pelo 'Minha Casa, Minha Vida' superaram em 248% a meta

16 de Março de 2013 às 06:18

247 - Num ano em que a economia do País andou para o lado, alguns Estados se destacaram com um crescimento bem acima dos outros. Entre as federações que medem o PIB trimestralmente, a que mais se destacou foi a Goiás de Marconi Perillo (PSDB), com um expressivo crescimento de 3,8% -- o Ceará de Cid Gomes (PSB) aparece logo atrás, com crescimento de 3,7%. No caso de Goiás, o bom resultado do PIB é apenas um dos elementos que comprovam o bom momento do Estado.

Os goianos contam R$ 4 bilhões de obras contratadas para este ano e são quem mais contratou pelo Minha Casa, Minha Vida, superando em 248% a meta estabelecida, segundo a superintendente Nacional de Negócios da Caixa do Centro-Oeste e Norte, Bernadete Pinheiro. E essa pujança não é exatamente momentânea. Nos últimos dez anos, apenas em três anos (2004, 2006 e 2007) a economia goiana não cresceu mais do que a nacional -- que ficou em 0,9% em 2012.

Os números do PIB nos Estados mostram um deslocamento do crescimento de centros consagrados, como Minas Gerais e São Paulo, que cresceram apenas 2,3% e 1,3%, respectivamente. Além do Ceará, outro estado que se destacou no Nordeste foi a Bahia de Jaques Wagner (PT), com crescimento de 3,1%. A Bahia foi, inclusive, o único Estado que conseguiu bater Goiás em algum indicador em 2012, já que seu PIB industrial cresceu 4,2% no ano passado, enquanto Goiás registrou crescimento de 3,5%.

Liderança

A economia de Goiás movimentou cerca de R$ 112 bilhões em 2012, ante R$ 104,7 bilhões em 2011. Enquanto a agropecuária avançou 5,5% no ano, os setores da indústria e de serviços cresceram 3,5% cada. Em termos comparativos com os sete Estados da federação que realizam este tipo de cálculo, no último trimestre do ano passado, Goiás foi o segundo que mais cresceu (3,5%) ficando atrás apenas do Ceará (3,7%).

Fonte: 247


Tópicos:
visualizações