Atenção! Você está utilizando um navegador muito antigo e muitos dos recursos deste site não irão funcionar corretamente.
Atualize para uma versão mais recente. Recomendamos o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.

Notícias

Encontro Nacional 2015: Bancários discutem pauta de reivindicações

Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Pinterest
Enviar por E-mail Imprimir
30/07/2015 - 20:55
img-1014-1912393.jpg
img-1094-103121813.jpg

            Teve início na manhã desta quinta-feira, 30, o XLIV Encontro Nacional de Dirigentes Sindicais Bancários e Securitários que acontece em Foz do Iguaçu (PR), onde está sendo discutido uma vasta pauta de reivindicações, com o objetivo de unificar as já elaboradas nos encontros interestaduais realizados em todo o país. As discussões definirá as pautas de reivindicações que serão entregues à Fenaban e aos bancos públicos. 

            O presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito (CONTEC), Lourenço do Prado, deu início ao encontro salientando a atual conjuntura econômica e política do país, com ênfase ao PLC 30/2015, que trata da terceirização e que já foi aprovado na Câmara dos Deputados. Segundo Lourenço, somente a pressão e firme atuação do movimento sindical junto aos parlamentares farão com que este projeto de lei, tão prejudicial à classe trabalhadora, seja também aprovado no Senado. 

            Ainda pela manhã, o professor de educação física e palestrante na área comportamental e organizacional, Itamar Vicente Ribeiro ministrou uma palestra aos presentes sobre qualidade de vida. Durante duas horas, o professor Itamar prendeu a atenção da platéia, numa combinação de conhecimento, entusiasmo, divertimento e muita experiência, gerando o envolvimento expressivo do público. 

            No período da tarde foi apresentada uma nova palestra, ministrada pelo economista do DIEESE Cid Cordeiro Silva. Na palestra, Cid tratou do sistema financeiro nacional, da conjuntura econômica atual do país, do emprego bancário e da negociação com os bancos, além de apresentar números a respeito da trajetória do HSBC no país, cuja operação no Brasil está à venda. “A CONTEC tem o compromisso moral e ético de defender o emprego dos funcionários do HSBC. A CONTEC não medirá esforços para preservar os postos de trabalho no banco”, afirmou Lourenço do Prado. 

            Após as palestras, começaram as discussões das pautas de reivindicações. O presidente do Sindicato dos Bancários no Estado de Goiás, (SEEB-GO) Sergio Luiz da Costa, afirmou que a categoria vai lutar por um aumento real de salários. "Sabemos das dificuldades que iremos enfrentar nesta campanha salarial devido o momento econômico que o país se encontra, mas não vamos abrir mão do índice real." Os trabalhos do primeiro dia de encontro encerraram às 20h00 e serão retomados na sexta-feira pela manhã. A pauta de reivindicações será entregue à Fenaban no dia 11 de agosto. 


Tópicos:
visualizações