Atenção! Você está utilizando um navegador muito antigo e muitos dos recursos deste site não irão funcionar corretamente.
Atualize para uma versão mais recente. Recomendamos o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.

Notícias

Bovespa fecha em alta de mais de 1% puxada por Petrobras

Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Pinterest
Enviar por E-mail Imprimir
22/07/2014 - 08:49

Ibovespa subiu 1,09%, para 57.633 pontos.
Outras estatais como BB e BB Seguridade também influenciaram o índice.

O principal índice da Bovespa fechou em alta de mais de 1% nesta segunda-feira (21), seguindo a melhora nos mercados externos e puxada pelos ganhos de ações como Petrobras e BB Seguridade.

O Ibovespa subiu 1,09%, para 57.633 pontos. Veja cotação

No mês, bolsa tem alta de 8,04% e no ano, de 11,89%.

O índice foi puxado pelo vencimento de opções sobre ações, que movimentou R$ 4,4 bilhões na Bovespa.

As opções de compra e venda de ações são instrumentos financeiros muito usados por investidores, e o vencimento delas costuma mexer com a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) devido ao grande volume de "apostas" feitas com esses contratos. As opções, como diz o nome, permitem que se compre ou venda os títulos por um preço definido em certo prazo.

Quando termina esse prazo, as opções vencem, e é nessas datas de vencimento, que o principal índice da Bovespa, o Ibovespa, pode sofrer influência devido ao grande número de ações que trocam de mãos.

EUA e estatais
O índice também sofreu influência de uma melhora nas bolsas dos EUA, cujos indicadores reduziram o ritmo de perdas nesta tarde, disse o analista de renda variável da Leme Investimentos, João Pedro Brugger, à Reuters.

Entre as principais influências de alta desta segunda-feira, ficaram as ações da estatal Petrobras, com ganhos de mais de 1%. Outras empresas estatais, como Banco do Brasil, BB Seguridade e Eletrobras também seguiram o mesmo caminho.

O BB Seguridade subiu fortemente, após o Credit Suisse elevar o preço-alvo do papel do grupo segurador do Banco do Brasil, de R$ 32 para R$ 38.

A companhia aérea Gol também foi destaque de alta, após o Bank of America Merrill Lynch elevar a recomendação para a empresa para "compra". Por outro lado, o banco também reduziu recomendações para as ações de Fibria e Klabin, para neutra em ambos os casos, com as ações do setor operando entre as maiores baixas do Ibovespa.

Fonte: Jornal O Popular

 

Tópicos:
visualizações