Atenção! Você está utilizando um navegador muito antigo e muitos dos recursos deste site não irão funcionar corretamente.
Atualize para uma versão mais recente. Recomendamos o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.

Notícias

Ainda acima da média, pessimismo do consumidor tem leve recuo em agosto

Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Pinterest
Enviar por E-mail Imprimir
27/08/2015 - 09:34

Brasília – O pessimismo do consumidor recuou em agosto, segundo o Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (Inec), divulgado ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O indicador subiu 1% em agosto na comparação com julho e ficou em 98,9 pontos, registrando a segunda alta consecutiva do índice.

Apesar disso, a pesquisa destaca que o Inec está 10,2% abaixo de sua média histórica. “Os consumidores permanecem pessimistas, ainda que menos que nos últimos dois meses”, destaca o documento da CNI.

A pesquisa mostra que, dentre os componentes do Inec, o índice de expectativa de inflação é o maior responsável pelo aumento do índice na comparação mensal. Em agosto, o índice de expectativas em relação à inflação aumentou 4,2% na comparação com julho.

A elevação do indicador mostra que cresceu o número de pessoas que espera a queda da inflação. “Apesar da melhora do índice, a desconfiança com relação à evolução da inflação nos próximos seis meses permanece, pois o índice mantém-se 11% abaixo da média histórica”, destaca a CNI.

As expectativas em relação ao desemprego, à renda pessoal e ao endividamento ficaram praticamente estáveis em relação a julho e abaixo do registrado em 2014. A pesquisa foi feita em parceria com o Ibope e foram ouvidas 2.002 pessoas em 142 municípios entre os dias 15 e 19 deste mês.

Fonte: Jornal O Popular
Tópicos:
visualizações